As Sombras

Raul Duarte

Tema: saúde| comportamento

1. Gostaria de propor uma reportagem sobre a loucura. O que é a “loucura”? Um conceito que foge, se afasta, de uma definição seja subjetiva ou objetivamente. Uma análise, principalmente, como idéia, mas com foco em personagens, do que significa ou pode significar.

2. É impossivel passar um dia sem ouvir uma das variantes da palavra “loucura”. Com múltiplos significados e conotações. Pode se referir a algo, alguém ou experiências extremamente boas, ou estigmatizar, “inutilizar” uma pessoa. Ao mesmo tempo, é pensada como doença, que talvez seja, sabedoria, que é por acaso, ou liberdade, será?

3. Tenho curiosidade em como os indivíduos lidam com a própria loucura e a dos outros. Há uma necessidade de escapar a ditadura da razão? Exemplo: uma boa parte das pessoas procuram meios que dê a permissão para atos fora da normalidade, álcool e drogas, principalmente (“nossa só fiz isso porquê eu tava muito louco”, frase proferida todos os finais de semana). O quanto a Arte deve a loucura? O quanto ela serve para nos mostrar que talvez a realidade seja apenas uma construção na qual nos habituamos? O quanto pode ser idealizada, e o quanto pode ser “a pior das desgraças”, segundo minha Vó.

4. O que significa ser louco?

5. Focar principalmente em personagens que tenham fortes experiências, sublimes ou não. Verificar o estado da saúde pública, falando com especialista (psicólogos, psiquiatras, sociólogos) e averiguando o quanto os tratamentos, e o modo de se tratar, mudaram ao longo das últimas décadas.

6. É especial porquê universal. Um conceito que avança desde a antiguidade, que reflete em cada indivíduo e está presente quase todo o tempo, a espreita, como sombras.

Anúncios

Um pensamento sobre “As Sombras

  1. Êba, mais especial que isso é impossível. Vá em frente, ouça quem entende, fale com loucos, leia muito a respeito e conte-nos: o que é a loucura, afinal? Mas lembre-se: não é para escrever um tratado, ok. Na média, é para ter até 12 mil toques. E esse assunto aê, olha, rende, rende, rende.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s